Quem Sou Eu

This post is also available in: Inglês, Francês

antonio-em-pe

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

António Santos. Nasceu em Portugal em 1960, viveu em França entre 1967 e 1968 e emigrou em 1976 para Montreal, no Canadá, país onde reside actualmente.

Os primeiros anos de vida:

António Santos nasceu e foi criado durante tempos muito difíceis, sendo forçado a aprender o sentido da responsabilidade com a tenra idade de 9 anos. Tinha apenas seis anos quando o seu pai decidiu partir numa viagem perigosa em busca de uma vida melhor. Naquela época, Portugal vivia sob um regime fascista e, como tal, era muito difícil conseguir um passaporte legal e quase impossível reunir os meios necessários para o pagar, deixando apenas uma alternativa: viajar na clandestinidade. O destino inicial do pai era a Holanda, mas nunca chegou tão longe. Com a economia francesa em forte crescimento, a oferta de empregos neste país era muito significativa e o pai de António decidiu ficar, chamando depois a família para se juntar a ele.

Um ano mais tarde, a situação mantinha-se idêntica. As dificuldades enfrentadas pelo pai eram as mesmas que esperavam António, a sua mãe, a irmã mais nova e um primo mais velho. Correndo o risco de serem presos, ou mesmo mortos a tiro, eles atravessaram Portugal e Espanha, apanhando comboios, autocarros e passando por caminhos secretos, acompanhados por guias especializados nestes percursos clandestinos. Cinco dias mais tarde e cheios de fome chegaram finalmente ao seu destino, .

A integração de António em França foi um desafio de curta duração. As coisas não correram de acordo com o esperado e em menos de um ano, a família encontrava-se novamente em fuga. Surgiu mais uma vez a oportunidade de ir para a Holanda e o pai de António decidiu aproveitá-la. A mãe optou por largar tudo e regressar a Portugal com os dois filhos. Contudo, a falta de documentos e a dificuldade acrescida de ter de viajar sem o primo mais velho transformaram o regresso num inferno, que incluiu um período passado na cadeia em Espanha, e outros acontecimentos que deixaram marcas profundas na alma de António.

A história de vida atribulada de António motivaram-no a escrever um livro, “Reaching the Christ that is Within Me”, onde ele abre o coração e conta a viagem para o seu despertar espiritual. António, tal como muitas outras pessoas, formou-se na grande Universidade da Vida.

Os anos posteriores:

A experiência de António com o público começou há mais de 30 anos. Foi instrutor de karaté, gerente de supermercados, gerente de uma banda de música e instrutor de ioga. Em 1978 apaixonou-se pelas obras de Lobsang Rampa. Embora a sua vida continuasse muito confusa, algo de muito especial começou a despertar dentro dele. As questões “Quem sou eu?” e “Porque estou aqui?” adquiriram um significado totalmente novo.

Em 1990, António inicou os seus estudos sobre desenvolvimento pessoal com personalidades de renome como Earl Nightingale (Nightingale/Conant Corporation) e Anthony Robbins. Mais tarde, os ensinamentos de Deepak Chopra, Wayne Dyer, Caroline Myss, Barbara Marciniak e Michael Newton alargaram os seus horizontes e a sua personalidade. Ainda hoje, ele vê estas personalidades como os seus grandes mestres.

A estes ensinamentos e filosofia, António acrescentou duas ciências antigas: a Numerologia e a Quiromancia. Estas disciplinas servem para diagnosticar problemas e/ou bloqueios. Depois, através de um acompanhamento personalizado, António ajuda o cliente a elaborar um Plano de Intenção e um Plano de Acção que lhe dão as ferramentas necessarias para atingir o seu potencial máximo.

Actualmente:

Ao longo dos anos, a filosofia de António e sua abordagem moderna à psicologia têm ajudado muitas pessoas de diferentes estratos sociais e em diversos continentes, que beneficiaram dos seus conhecimentos e sabedoria. Além disso, ele trabalha em três línguas diferentes: o inglês, o português e o francês, o que lhe tem permitido alargar os horizontes e chegar a um grande número de pessoas.

António Santos é autor, professor e consultor intuitivo. É conhecido como psicólogo alternativo e conselheiro pessoal ‘personal coach’. A dedicação à sua arte, os seus estudos e conhecimentos aprofundados, e a exposição a diversas culturas e clientes de todo o mundo fizeram com que obtivesse mais clareza e expansão na sua arte. A sua extraordinária capacidade de ouvir e de usar as suas faculdades intuitivas torna-o num excelente e humilde conselheiro ‘coach’.